Desejo a todos um Feliz 2013…

Hoje se encerra mais um ano de atividades deste blog…
Aqueles que tem o hábito de acessar este espaço tem percebido que algumas mudanças estão ocorrendo no lay-out e em algumas funcionalidades, pois, estou aproveitando o período de menor acesso para renovar o visual e, principalmente, adicionar funcionalidades e deixar o blog mais agradável na navegação.
Também estou estudando alterações nos conteúdos que estão por vir, porque, no meu ponto de vista, alguns assuntos já foram abordados de forma bem detalhada e não pretendo tornar as informações repetitivas. Provavelmente vou ampliar e diversificar o conteúdo com abordagens sobre soluções inovadoras baseadas em cloud computing e trabalhar em assuntos que agregam mais valor ao que já temos publicado aqui no blog.
Ainda não consegui definir quanto tempo vou ter para me dedicar as publicações. Como escrever faz parte das minhas necessidades pessoais… Algo que está no meu DNA… Gostaria de poder ter tempo para elaborar muitos artigos, mas isto vai depender de outros projetos que estou desenvolvendo e também são muito interessantes (E, claro, demandam dedicação e tempo). Mas vou deixar para definir estes assuntos entre janeiro e fevereiro.

Por enquanto quero agradecer a todos que tem participado deste projeto e desejar a todos vocês um ANO NOVO rico em realizações pessoais e com muita saúde!

Um excelente ano aos amigos!!!
Antonio Ricardo

CIO.com: 5 Keys to Enterprise Social Networking Success

Redes SociaisRecomendo a leitura do artigo disponível no link abaixo, publicado na CIO.com para quem quer entender um pouco a respeito da adoção do conceito de Computação Social para empresas.
É óbvio que existem diferenças de aplicação no mercado americano e no mercado brasileiro, porém, o importante é compreender o conceito e entender o caminho a traçar. Também não se preocupe com este ou aquele fornecedor de solução mencionado na matéria. Novamente: Foco no conceito e nos modelos.
Boa leitura: 5 Keys to Enterprise Social Networking Success.

Um abraço!
Antonio Ricardo

BCS Meta Man: Mais conexões em menos tempo

Com as pesquisas e estudos que andei fazendo sobre o BCS, acabei encontrando algumas ferramentas, dicas, sites etc que tratam o assunto, e então decidi baixar e brincar um pouco neste último mês com o BCS Meta Man, para que eu pudesse conhecer e entender as suas possibilidades. Pensei que seria interessante para complementar a publicação anterior. Assim sendo, a seguir compartilho minha opinião e deixo o espaço aberto para quem quiser compartilhar suas percepções, opiniões e conclusões a respeito do BCS Meta Man.

O BCS Meta Man é uma ferramenta que gera o código fonte necessário para conectar-se a várias fontes de dados diferentes, destinado aos desenvolvedores SharePoint 2010 que necessitem utilizar o BCS – Business Connectivity Services.

Algumas vantagens que considero são a facilidade de uso, e consequentemente a diminuição drástica do tempo para criação de um código fonte para conexão com uma fonte externa, se compararmos com o mesmo processo efetuado manualmente (escrevendo-se o código linha a linha). Outro recurso interessantíssimo é a capacidade de criação de “mashups” complexos utilizando-se o BCS Meta Man.

Como já mencionei em vários posts – você também pode conferir no meu perfil aqui ou no Linked In – meu perfil não é de desenvolvedor, sendo assim, minha percepção a respeito da ferramenta foi excelente, pois, tenho dificuldade em criar o código manualmente. Caso você seja desenvolvedor e já tenha utilizado o produto, deixe seu comentário aqui no post também.

Você encontra tudo que precisa saber a respeito do produto neste site http://www.lightningtools.com/bcs/bcs-meta-man.aspx
Existe uma versão Trial, mas o produto é licenciado para uso. O preço divulgado é de US$ 1200,00 por instalação.

Por enquanto é isso.
Grande abraço!
Antonio Ricardo Goncalves

SharePoint 2010: BCS – Business Connectivity Services

Hoje decidi abordar algo bem específico no SharePoint 2010, que é o BCS – Business Connectivity Services, pois, tenho percebido que muita gente ainda acredita que o SharePoint é uma solução que tem pouca integração, ou ainda, muitos mantém a ideia que o SharePoint 2010 fica apenas no mundo da colaboração. Vamos lá…

Cada vez mais as empresas estão adotando modelos complexos de soluções tecnológicas (seja Tecnologia da Informação, Tecnologia Operacional entre outras), criando ambientes híbridos, ou seja, múltiplas soluções de diferentes fornecedores e em diferentes plataformas.

Considerando este cenário híbrido em relação aos seus ambientes, existe um ponto crítico a ser avaliado e muito bem desenvolvido, que é a INTEGRAÇÃO destes sistemas e de seus respectivos dados e/ou informações e é justamente neste ponto (a integração) que entra em ação o BCS – Business Connectivity Services no SharePoint 2010.

Mas o que é o BCS?(Até agora não falei… :-S)
BCS – Business Connectivity Services é (resumidamente) um conjunto de soluções, que fazem parte do SharePoint 2010, que facilitam a integração de dados entre o SharePoint e as demais soluções que você já possui. Com o BCS um desenvolvedor de sistemas – que tenha conhecimento em .NET e SharePoint, por exemplo – é capaz de fazer integrações (troca de dados bidirecional) com SAP, Soluções e Bancos de Dados Oracle e vários outros sistemas disponíveis no mercado. No meu ponto de vista, o BCS é uma forma de expandir suas soluções de forma infinita, integrando recursos de colaboração, computação social, business intelligence entre outros recursos em qualquer sistema que você já possua ou deseja utilizar.
(Lembrando que esta minha abordagem é do ponto de vista da arquitetura e não estou entrando em nenhum detalhe técnico, pois, meu foco aqui neste blog é sempre produzir textos que possam ser entendidos por todos os públicos.)

Caso você tenha interesse em conhecer detalhes técnicos do BCS, existem publicações específicas (livros técnicos) e também muitos recursos na Internet, como o MSDN, as Comunidades Técnicas Microsoft entre outras fontes de aprendizagem.

Baixe o Poster do BCS no site de Downloads da Microsoft em http://www.microsoft.com/en-us/download/details.aspx?id=2847

Abaixo, um exemplo da arquitetura do BCS.