Yelp: Um excelente exemplo de colaboração e rede social

     O Yelp é um site destinado a avaliar serviços e produtos (Até aí outros sites fazem o mesmo.) O que considero diferencial é a característica de unir perfeitamente os recursos de colaboração com uma rede social muito bem elaborada.

     Além das análises e opiniões (o básico), existem outros recursos diferenciados integrados ao serviço, como troca de mensagens (offline) e bate-papo.

     Este é um local excelente – se você está disposto a aprender ou desenvolver seus conhecimentos a respeito das redes sociais e colaboração – para navegar algumas horas por semana. Bom… Neste caso, melhor do que ficar lendo o post, é acessar. Clique AQUI!

OBS.: Como este serviço vem se destacando, muita gente GRANDE está interessada. O Google já fez uma oferta oficial mas, até o momento da publicação deste post, tal oferta (500 milhões de dólares! uuuufa…) não havia agradado os atuais proprietários do site. Vamos ver como serão os próximos episódios..!

Grande Abraço!
Antonio Ricardo Gonçalves

Colaboração + Grupos de Trabalho + Projetos = Resultados

     Alguns dos maiores beneficiados com as Redes Sociais Corporativas são os responsáveis por projetos, sejam eles coordenadores, gerentes ou patrocinadores.

     A partir de sistemas web desenvolvidos para tal finalidade, tornou-se possível gerenciar projetos de maneira mais eficiente e eficaz, através de soluções que disponibilizam controle de tarefas, custos, prazos, recursos humanos entre outras dezenas de possibilidades. É possível acompanhar qualquer um dos envolvidos em projetos, independentemente de localização geográfica, função (seja o envolvido, um gestor de departamento ou um técnico de um prestador de serviços).

     Utilizando como exemplo prático o Project Server / EPM 2007 da Microsoft, a partir do momento que um colaborador passa a ser um membro de um projeto, ele irá obter acesso a uma área (grupo de trabalho) onde ele poderá compartilhar (fornecendo e recebendo) informações, controlar as suas atividades, participar de conferências / reuniões on-line entre outros recursos. Algo bem interessante é a possibilidade deste colaborador ter acesso a um conjunto de informações de outros projetos que estão ocorrendo e aqueles que já foram finalizados, pois, desta forma ele poderá reutilizar processos, documentos e também conhecimentos previamente utilizados.

Área de Trabalho do EPM 2007

A seguir segue o link para quem deseja conhecer um pouco mais a respeito do EMP 2007. Trata-se de uma demonstração da solução:
http://www.microsoft.com/project/en/us/demo-enterprise-project-management.aspx

Um Abraço,
Antonio Ricardo Gonçalves

Colaboração, Aplicativos, Aplicações, Web 2.0…

     Com a absorção gradual do conceito WEB 2.0 (Sugiro este link para quem não conhece o termo Web 2.0: http://pt.wikipedia.org/wiki/Web_2.0) pelas empresas, cada vez mais a Colaboração é viabilizada em nosso dia-a-dia nas corporações.

     Através de produtos e soluções desenvolvidos pelos maiores fornecedores de TI como IBM, Microsoft, SAP, Oracle entre outras empresas, está cada dia mais simples a integração dos sistemas e departamentos de uma empresa, proporcionando que o conceito colaboração seja adotado e difundido.

     Para exemplificar a situação vamos imaginar uma intranet onde cada um dos colaboradores possua uma página pessoal (Podemos utilizar os produtos da linha SharePoint da Microsoft, WebSphere da IBM etc.) com suas informações pessoais, sejam estas informações confidenciais ou compartilhadas com outros colaboradores. Além desta intranet a empresa possui vários outros sistemas onde o usuário faz conexão para suas atividades diárias. (Acredito que neste ponto você já esteja torcendo o nariz e pensando… Lá vem mais um sistema para eu me conectar e mais senhas para decorar..! Não desanime, pois, é exatamente o contrário!)

     Com o cenário acima em mente, podemos, ao invés de fornecer mais um usuário e senha para outro sistema, partirmos na direção inversa, ou seja, iniciarmos um trabalho de convergência das aplicações e suas respectivas autenticações (usuário e senha).

     Um ótimo exemplo prático para aplicarmos na situação acima é a consulta ao demonstrativo de pagamento (contracheque) onde, ao invés da necessidade de conexão ao sistema do RH para consultar seu extrato, é possível que, por meio da integração dos sistemas utilizando-se o conceito de Web 2.0, sua consulta esteja disponível diretamente no seu espaço pessoal na intranet, sem a necessidade de efetuar “logon” em diferentes sistemas, com diferentes usuários e senhas.

     O exemplo acima tem o objetivo de demonstrar a relação entre a Web 2.0 e a Colaboração, pois, através de novos meios e sistemas desenvolvidos na Web 2.0, a colaboração nas empresas passou a ser uma realidade e não apenas teoria.

COLABORE COM O BLOG E PARTICIPE DA PESQUISA ABAIXO:

Grande abraço e
Um Feliz 2010!!!
Antonio Ricardo Gonçalves